Volume 39, n.o 4 (157)  
  Out-Dez/2019  
     
 
 
   
  SCImago Journal & Country Rank
 
The role of the State in fostering innovation activity: case studies of the USA and Germany
José Luis Gordon
Taxa de câmbio real, apoio financeiro e exportações no Brasil: estimação da equação de exportações setoriais com câmbio implícito
Débora Freire, Marco Flávio Cunha Resende e Gustavo Britto
Sraffa and the Labour Theory of Value: a note
Fabio Anderaos de Araújo
Considerações teóricas sobre a terra como puro ativo financeiro e o processo de financeirização
Mariana Fix e Leda Maria Paulani
Celso Furtado as ‘Romantic Economist from Brazil’s Sertão
Jonas Rama e John B. Hall
Recessions and a changing theoretical basis of the recoveries: a view from the state-corporation hegemonic stability theory
Dariusz Eligiusz Staszczak
The origins of anti-capitalism in the young Marx
Ricardo Luis Chaves Feijó
A doutrina social da igreja católica, o novo desenvolvimentismo e a economia social de mercado: dialógos possíveis?
Arthur Rizzi Ribeiro, Ricardo da Silva Carvalho e José Luis Oreiro
Ideias, instituições e coalizões: as razões do fracasso da política industrial Lulista
Michelli Gonçalves Stumm, Wellington Nunes e Renato Perissinotto
Multilateral development banks, new developmentalism and local currency financing
Cinthia Bechelaine e Luiz Carlos Bresser-Pereira
 
 

 
     
 
Print-on-demand journal
The Brazilian Journal of Political Economy (Revista de Economia Política) is a printed journal since its foundation in 1981. In 2002 it became available in digital format. In 2019, it will become a print-on-demand journal. This means that it will be essentially a digital journal but, profiting from the advanced printing technologies available today, it will be printed on demand. The subscribers of the Journal will receive it in print.

The Brazilian Journal of Political Economy is a bilingual, peer reviewed journal published since 1981, which sees economics as political economy.
Papers with Keynesian, developmental, or institutionalist approaches are welcome.
The Journal publishes theoretical papers on economic development, macroeconomics, and the critique of economic theory, as well as on applied economics that contain relevant economic theory.
In the case of econometric studies, the technical tables are supposed to be published only in the journal’s electronic edition.
In the surveys or revisions of the literature on determined items, the recent literature must be present, and the Brazilian and Latin-American authors who wrote on the theme must be considered.
The journal publishes papers in English and Portuguese, but papers that don’t have as subject the Brazilian economy should be written in English, or translated to English after being approved
The papers are published according to the date that they are approved, but some priority will be given to the papers in English, to the short papers, and to the surveys of the literature.
In accepting the submission the Journal adopts as additional criteria the scope of the paper and its interest in publishing it.
 

Impresso sob demanda
O Brazilian Journal of Political Economy (Revista de Economia Política) é uma revista impressa desde sua fundação em 1981. Em 2002, tornou-se disponível em formato digital. Em 2019, a revista se tornará uma publicação de impressão-sob-demanda. Isso significa que ela será essencialmente uma revista digital, mas, aproveitando as tecnologias de impressão avançadas disponíveis hoje em dia, ela será impressa sob demanda. Os assinantes da revista receberão um exemplar impresso.

A Revista de Economia Política é uma revista bilíngue, que é publicada desde 1981, avaliada por pares, e que vê a economia como economia política.
Trabalhos com abordagens keynesianas, de desenvolvimento, ou institucionalistas são bem vindos.
A Revista publica trabalhos teóricos sobre o desenvolvimento econômico, a macroeconomia, e a crítica da teoria econômica, bem como trabalhos sobre economia aplicada que contenham teoria econômica relevante.
No caso de estudos econométricos, os aspectos técnicos devem ser publicados apenas na edição eletrônica da revista.
Nas revisões da literatura, a literatura recente e os autores relevantes brasileiros e latino-americanos que lidam com o assunto devem ser devidamente citados.
A revista publica artigos em inglês e português, mas papers que não têm como tema a economia brasileira devem ser escritos em Inglês, ou serem traduzidos para Inglês depois de serem aprovados.
Os artigos são publicados de acordo com a data em que são aprovados, mas é dada alguma prioridade aos trabalhos em Inglês, aos pequenos papers e às revisões da literatura.
Ao aceitar a submissão, a Revista adota como critério adicional o escopo do papel e seu interesse em publicá-lo.

 
  "This is an open-access journal"  

 
 
     
     
 
The Brazilian Journal of Political Economy counts with the support of the following corporations:
 
   
Copyright © 2019
Revista de Economia Política - ISSN 1809-4538
Rua Araripina, 106 - 05603-030 - São Paulo - Brazil